domingo, fevereiro 06, 2005

"The Aviator" (2005), Martin Scorsese



The way of the future.

O novo filme de Martin Scorsese retrata a vida (parte dela) do visionário americano Howard Hughes, o homem que construiu os aviões mais rápidos da sua época, que deu a volta ao mundo em 3 dias, que namorou com as actrizes do momento e que realizou e produziu filmes (destaque para o seu primeiro sucesso,"Hell´s Angels", que demorou 3 anos até estar concluído, e o seu western erotizado "A Terra dos Homens Perdidos"). Tudo isto se passa maioritariamente nos anos 30/40, ou seja, durante os "early days" do milionário.

Mas Howard Hughes era mais do que os seus aviões. Era um homem que tinha os olhos postos no futuro, capaz de enfrentar tudo e todos para levar a avante as suas ideias. A sua vida foi repleta de sonhos e de brilho mas também de fracasso, de desilusão e de loucura. Hughes tinha um distúrbio mental, tão bem exposto no filme por Leonardo Dicaprio. Um homem que aparentemente tinha tudo mas que na realidade vivia sufocado pela sua doença e pelos seus medos.

Há papéis que se tornam inesquecíveis, tanto para o actor que o representa, como para o público que o vê. Leonardo Dicaprio teve a oportunidade máxima de expor todas as suas potencialidades dramáticas ao encarnar Howard Hughes. A sua interpretação esplêndida vai ficar para sempre na história do cinema pois Dicaprio tem aqui o que poderá muito bem ser o papel da sua vida.
Dicaprio capta da perfeição o comportamento obsessivo-compulsivo de Howard Hughes, a sua eterna luta contra os micróbios, o lavar de mãos excessivo, o medo do pó, a repetição exaustiva de frases, etc. Dicaprio carrega na sua voz, no seu olhar e nos seus gestos, toda a fragilidade e medos mas também toda a preserverança de Howard Hughes.
Dicaprio é um dos potenciais vencedores ao Óscar de melhor actor e parece-me ser o candidato mais merecedor do prémio.

Destaque também para as actrizes secundárias Cate Blanchett ( uma Katherine Hepburn um pouco irritante de início , mas depois de passar a estranheza inicial apresenta-se bastante verosímel) e Kate Beckinsale ( uma Ava Gardner lindíssima).

"The Aviator" é um belíssimo filme com excelentes interpretações e uma escolha de actores acertada. Peca, no entanto, ao ser tão extenso e ao ter uma banda-sonora pouco variada.

* * * *

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Cool blog, interesting information... Keep it UP »

12:19 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home